visite nossos perfis:
Usuário:
Senha:  
A era da alienação



         A geração jovem do século XXI encontra-se dominada por um perigoso fenômeno: a alienação em massa.
         A alienação à qual me refiro é aquela em que as pessoas são totalmente alheias aos acontecimentos políticos e sociais que as cercam; são bloqueadas mentalmente de qualquer tipo de reflexão ou sensibilidade social; consideram totalmente dispensável qualquer tipo de exercício mental ou espiritual; contentam em direcionar todos os esforços de suas vidas ao lazer, prazer entretenimento.
         As gerações das décadas de 1990 e 2000 estão sendo derrotadas pelos meios de comunicação em massa. Uma total aceitação de todo tipo de entretenimento não construtivo e alienante é diretamente proporcional à despolitização dos jovens e adultos.
         Não existe mais curiosidade. Os adolescentes não praticam a curiosidade. O intelecto e a erudição não são mais um fator de socialização, auto-afirmação ou mesmo status.



         Não devemos afirmar que a estética corporal e facial eram insignificantes, ao contrário sempre foi um fator importante. O fato é que atualmente essa estética é prioridade absoluta nas relações humanas e de aceitação social, assim como é também critério absoluto na escolha de parceiros sexuais.
        Estamos vivendo o fenômeno da substituição Ser pelo Ter e Parecer.
        A necessidade de politização está sendo superada pelo vício em entretenimento. Entretenimentos que giram em torno de sexo e violência.

<< Voltar
Copyright © 2012 ETHOS - Todos os direitos reservados